17 de abr de 2013

Satsang com Sri Prem Baba, 07.01.11 - Índia 2010/2011

Satsang, 07.01.11 - Índia 2010/2011
Temas: Cantar com devoção / Entrega / ABC da Espiritualidade / Iniciação espiritual.
(Bhajan para Ganga)
Prem Baba: Este bhajan é bem simples de se cantar. “Jay Mata Gange”, então eu convido você a viver essa experiência de cantar. Vamos brincar de cantar. Principalmente você que disse que a mente te capturou e está capturado no lago do sofrimento. Experimente cantar um dos nomes de Deus. Ganga é um dos nomes de Deus. Deus é um, mas se manifesta de muitas maneiras. “Jay” quer dizer vitória. É um grito de vitória. “Mata” significa mãe. E Ganga é essa manifestação da mãe universal que lava os nossos karmas. É a misericórdia encarnada. Então eu lhe convido a fazer essa experiência de se entregar para o canto. Por um instante abandone todas as suas preocupações e toda a necessidade de querer chegar a algum lugar, todos os julgamentos e medos. Abandone todos os pensamentos e simplesmente permita-se cantar. “Jay Mata Gange” – Vitória para o sagrado feminino, vitória para a mãe universal, vitória para a misericórdia. Que compaixão possa lavar os nossos pecados, os nossos erros, que ela possa desfazer os nós das heranças que nos fazem insistir tanto no sofrimento. Esse sofrimento que eu não suporto mais, mas que não largo. Esse padrão repetitivo que eu não suporto mais. Porque eu não abro mão. Somente a misericórdia pode me libertar. Que a misericórdia seja vitoriosa; que Deus seja vitorioso; que o amor seja vitorioso. Que o amor possa ser revelado. Que possamos abrir mão desse jogo que nos faz acreditar que precisamos receber, receber e receber amor exclusivo. Que possamos definitivamente reconhecer a nossa real natureza e que somos uma fonte inesgotável de amor. Que possamos virar esse jogo e que temos algo para oferecer. Que temos muito a oferecer. Que você possa perceber que tem alegria para oferecer; que tem perdão para oferecer; tem gratidão, criatividade, beleza, esperança. Onde ouvir tristeza que você possa levar alegria; onde houver escuridão que você possa levar a luz. Para isso se faz necessário somente virar esse jogo e descobrir que ao invés de receber, você tem para dar. Vamos abandonar os esforços, abandonar a mente julgadora. Por um momento, poucos minutos, vamos apenas cantar. Vamos desejar vitória para a Grande Mãe universal. Vamos desejar vitória para a compaixão divina. Vamos desejar vitória para o nosso Eu Real.
(Bhajan para Ganga)
Perceba que a saída do labirinto da mente pode ser bem fácil. E assim que o tempo esquentar um pouco experimente se banhar nas águas da Ganga. Os sadhus se banham mesmo com frio, mas eu sei que você não está muito acostumado. Experimente. Essa experiência pode realmente pegar a sua mente. Ela pode ser um grande choque para o seu ceticismo. Porque uma coisa é você ouvir falar que as águas são sagradas e outra é você experienciar. A minha sugestão é que você experiência e possa entrar nessas águas reverentemente e humildemente pedir para esse ser divino te purificar. Então você se banha e vê o que acontece. A humildade abre qualquer porta. Se você vai com reverência, com humildade e pede por esse auxilio, eu duvido que você não receba. Isso serve para qualquer manifestação divina que você humildemente reverencia e pede. Você recebe. Humildade e reverência é a ponte de acesso. Com um pouco de humildade e um pouco de fé, você se realiza.
Todos os processos psicoespirituais que eu proponho; os grupos de desenvolvimento e toda a referência ao ABC da Espiritualidade, todo esse trabalho de cura é só para limpar o lixo da mente. O chefe do lixeiro é o orgulho (talvez essa frase dê a entender que o orgulho limpa o lixo). Se você limpa o orgulho do caminho, facilmente você chega. Porque assim você pode receber.
A realização espiritual é uma transferência, não requer esforço. É só ficar em sintonia, ficar conectado. É só ficar perto. Mas, a humildade é quem possibilita essa comunhão. Ela possibilita a reverência e o silencio. E o silencio estabelece a conexão. Os trabalhos estão abertos. Cada qual está começando a receber o que precisa. Eu explico que, no início, precisamos remover esses obstáculos. Temos que limpar esse lixo da mente e lavar o coração das mágoas e ressentimentos. Lavar o ódio do seu coração. Enquanto houver uma semente de ódio você ainda está preso em algum pacto de vingança. Isso significa que ainda há sentimentos negados no seu sistema. Ainda há lagrimas não derramadas. Ainda há protestos não enunciados. Se você for honesto, olhará para cada um da sua constelação familiar e perceberá que o seu coração ainda não está aberto para alguém. Vai perceber que ainda existe nem que seja uma camada de indiferença. Entenda que indiferença é sinônimo de raiva. Significa que você ainda não aceitou alguma coisa e é por isso que você repete nas suas relações atuais.
Tudo isso é um jogo, um jogo divino. O objetivo do jogo é purificar as mazelas da alma para poder abrir essa clareira para seu Ser. Para que você possa manifestar a humildade e a reverência que faz você chegar aos pés do mestre de verdade. Inteiro. E quando você chega de verdade e inteiro, a iluminação é instantânea. A transferência acontece.
Alguns querem que eu explique melhor o ABC da Espiritualidade. Eu já expliquei, mas esse é o início do trabalho. Quando você chega, eu tenho que limpar essas marcas dos seus corpos e para facilitar o processo para alguns, eu desenvolvi um método que é um retiro de seis dias onde você vai focar na purificação e transformação do eu inferior. Mas, esse processo é para quem está sentindo que está na hora. Mas, para participar você precisa participar de uma entrevista para ver se está pronto pra isso. Em relação ao método tem o ABC 1, 2, e 3. Depois tem o ABC da Espiritualidade, nível 1 e 2 e depois tem os Intensivos de Espiritualidade que são basicamente em silencio. Aqui na Índia nós vamos oferecer o ABC da Espiritualidade 1 e 2. É um retiro, um regime de residência e obviamente nós pedimos uma quantia para bancar o trabalho. Nós fazemos esse trabalho em outro lugar. Eu tenho uma parceria com o ashram do Osho. Algumas pessoas estão aguardando esse momento. Alguns estão vindo somente para isso.
Esses retiros ajudam no processo de purificação que é um processo natural que acontece quando você se aproxima. Eu estou trabalhando para limpar o seu coração, para que ele possa se abrir.
Pergunta: Querido Prem Baba, você pode falar sobre o significado espiritual de raspar o cabelo?
Prem Baba: O cabelo representa a personalidade. Então, algumas pessoas, dentro da sua trajetória iniciatica, em algum momento, sentem-se renascendo. E nesse momento, optam por ritualizar essa experiência de entregar o seu passado e a sua personalidade para a Ganga ou para a natureza. Isso é algo pessoal. Alguns se sentem movidos a ritualizar essa passagem dessa maneira. Esse é o significado. Isso pode vir a acontecer na vida daquele que recebe iniciação espiritual. Quem está no caminho da iniciação espiritual.
Também temos outras perguntas a respeito da iniciação.
iniciação espiritual é um compromisso com a divindade. A palavra iniciação vem sendo muito mal utilizada, sem significado. Mas, ela significa você fazer a opção de colocar cada célula do seu corpo de acordo com a vontade divina. Significa você fazer um pacto com a luz e se tornar um instrumento do amor divino; um instrumento da luz. Isso é ritualizado através de um pequeno ato que tem alguns símbolos onde essa opção é formalizada. E você recebe ajuda para isso, você recebe a transmissão espiritual, recebe kripa, o toque do mestre. Você vai receber auxilio até que encontre a fonte da sua queda e se liberte da sua intencionalidade negativa e possa se abrir para o sim, para o fluxo da vida e se tornar instrumento da vontade divina. Você se torna um com o todo. Você volta para casa. É a gota que se dissolve no oceano.
Você recebe também uma prática espiritual que vai te ajudar a desenvolver algumas qualidades. Você recebe um mantra que, ao mesmo tempo em que ajuda você a desenvolver concentração e qualidades espirituais, também é um veículo da graça. Cada vez mais você vai tendo acesso a experiências além da mente, a experiências realmente espirituais. Aquilo que é considerado um mistério, será revelado para você. Porque é mistério somente para quem não é iniciado. Porque você não compreende o jogo. Mas, quando você se move na direção de se harmonizar com a fonte, os mistérios vão sendo naturalmente revelados para você e você começa a entender o jogo. A sua mente começa a se aquietar. Quanto mais você compreende mais se aquieta e mais se torna independente. Mais calmo e silencioso você vai ficando. Você vai abrindo mão de qualquer desejo. Vai chegando na calma e na simplicidade, no contentamento. Quem chega perto de você chega esse contentamento e tem vontade de ficar perto.
É assim que acontece com a gente. Você vem aqui, você sente alguma coisa e tem vontade de voltar. Você volta porque quer. Eu não te forço a voltar. Eu te amo, mas eu não tenho dependo de você. Eu sou livre.
Essa experiência vai se estendendo para você e quando você chega no contentamento ele vai sendo estendido para os outros e a paz vai se espalhando. É assim que eu vejo.
Quanto mais você relaxa no silencio e no contentamento, mais amplo fica o campo. Quando eu comecei a sentir isso, pouca gente chegava perto, agora tem muita gente. Isso acontece naturalmente. Eu não faço nenhuma propaganda. Esse último ano que muita gente me viu e começou a querer fazer entrevista, etc, mas eu nunca fui muito favorável a essas coisas. Porque chega somente quem tem que chegar, quem está afinado com essa freqüência. Se você está pronto você chega.
É incrível como essas coisas acontecem. Maharaj ji disse pra mim: “A partir de agora as pessoas de todo o mundo vão começar a sonhar com você mesmo sem conhecê-lo. Elas receberão darshanmesmo sem te conhecer”. Nesse momento, isso realmente começou a acontecer. As pessoas sonhavam, logo depois ouviam meu nome e chegavam em mim através do site. Dezenas de pessoas me relataram essa experiência. Esses são mistérios espirituais que vai se revelando e você vai entendendo. O que ajuda a compreender o mistério é a prática espiritual, o sadhana, porque ele te conecta com o mundo espiritual.
Então, esse trabalho, a purificação da mente é para você ter vontade de realizar o seu sadhana. É para você querer chegar mesmo no reino celestial.
Hoje, falando de mim, eu disse para o meu guru: Eu só quero uma coisa nessa vida. Eu quero estar aos seus pés dizendo “Jay Guru”. Porque, quando você vai purificando os nãos, você começa a se harmonizar com a vida e não tem nada que você não tenha. Você pede o interesse. O seu interesse se direciona a Deus. É somente para ver o outro feliz. Somente para dar força para o jogo divino se realizar. Você começa a ver beleza em tudo. Você vê o sagrado em tudo. “Babanam Kevalam” – Tudo é sagrado. Mas, somente os olhos do espírito percebem isso.
Vamos cantar um pouco.
Que cada vez mais você possa se abrir para a experiência espiritual.
Até o nosso próximo encontro.
NAMASTE
Texto retirado do Site: http://www.prembaba.org/pt-br/satsang/satsang-070111