Caminho da Equilibração



Todos nós sabemos que estamos em um processo no qual lutamos com todas as nossas forças por alguma coisa. Mas então me pergunto: Por que dessa luta? Por que divisor de lados? Polaridades investidas? Bem e mal? Enfim, me auto sepulcrei com esse bombardeio de perguntas. De fato são perguntas válidas, no decorrer da linha do pensamento fui percebendo que era necessário tudo aquilo.
Se Deus é Onipotente, ou seja, detém todo o poder do Universo? Por que permitiu que o mal existisse e fosse tão forte, principalmente sobre seus filhos?
É preciso querer compreender para entender.
Da mesma forma que Deus em sua Infinita Sabedoria e Bondade rege tudo o que é bom e belo. Também rege o contrário. É forte entender isso. O Único criador - Deus. Logo, tudo o que existe é criação Dele. Não é possível que um ser, seja Ele qual for, criar seres para si e comandar um império negativo. Tudo provém de Deus. Equilíbrio é a Palavra de Ordem. Permanecer entre os dois lado, não se envolver com lado nenhum, mas com os dois com a mesma proporção.
Imaginem comigo!
Estamos em um espaço aberto, existe uma linha ao centro no qual devo passar. Estou com uma corda presa à cintura, as duas com duas feras puxando contra mim. Esse cabo de guerra só existe por que eu estou lá. A linha branca é a minha vida. Preciso atravessar este campo. Não posso deixar que uma fera puxe mais que a outra, pois trará a outra para minha vida. Então devo permanecer nesse desafio sempre. Assim me manterei puro o não me atingirei com fera alguma.

As feras são o bem e o mal. Se eu pendo para um lado o outro ganha força. Pensemos nisso.
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Obrigado pelo seu comentário